Renato Janini: “A arte de misturar canções”
06/09/2016

“A arte de misturar canções” foi o nome escolhido para representar o projeto atual de Renato Janini, o primeiro cantor solo a fazer Mashup. Relembrando: O Mashup nada mais é que a mistura de duas ou mais canções, geralmente de gêneros diferentes. No Brasil, e na música sertaneja, o tal estilo é composto – em sua maioria – pela mistura de versões pop internacionais com nosso sertanejo.

Com Renato Janini a ideia surgiu, inicialmente, da versatilidade do cantor, que apesar de estar dentro do cenário sertanejo, sempre gostou de explorar outros estilos, e já misturava músicas e melodias antes mesmo disso se tornar um conceito. Essa característica acrescenta cada vez mais elementos aos seus trabalhos musicais.

Quem o acompanha no Youtube e nas redes sociais, pôde conferir a mistura mais recente, em que Renato aparece tocando violino. Apesar de o violão ter sido o primeiro passo do artista em direção à carreira como cantor, a sede por inovar o levou a tocar outros instrumentos. “No show eu sempre gosto de tocar guitarra, viola caipira, já fiz algumas brincadeiras com instrumentos percussivos, mas o novo xodó é o violino, que descaracteriza um pouco o sertanejo moderno e deixa o projeto com uma identidade minha”, comenta.

Por produzir os próprios trabalhos, Janini tomou gosto pela produção fonográfica, fator que o levou a produzir outros artistas e, mais tarde, construir seu próprio estúdio de gravação. A formação publicitária fez com que ele ligasse o sonho antigo, do estúdio, à necessidade que os artistas tinham de fortalecer a identidade visual deles. Foi assim que nasceu a “FLAT”, agência de publicidade e produção artística.

A Flat nasceu num momento exato da minha vida, me fazendo respirar coisas novas, arranjos, melodias. Foi um tempo em que eu me desliguei do palco e me conectei com a música de uma forma mais pessoal”, diz ele.

Quanto aos shows, agora que conseguiu concretizar alguns sonhos aos quais se dedicou nos últimos meses, Renato afirma que vai reabrir sua agenda. “São 10 anos de palco, não dá pra ficar muito tempo sem isso. Amo o público que tenho na internet, que é meu combustível diário, mas quero voltar a sentir o calor das pessoas, a energia da galera de perto.”

Abaixo, seu último Mashup: Passenger “Let Her Go”, com Matheus & Kauan “O Nosso Santo Bateu”, e com a participação de Daniel D3 nos violões.

Lembrando que toda terça-feira tem vídeo novo, e hoje a faixa é um cover de Maiara e Maraísa. Confiram.

Para conhecer mais trabalhos, acesse o site renatojanini.com.br e as redes sociais:

Facebook | Twitter | Instagram | YouTube

contato: shows@renatojanini.com.br