Patrícia e Adriana: cobertura do DVD e música inédita
09/04/2018

Em diversas oportunidades comentei por aqui sobre a parceria de Flávio Guedes com Jacques Jr. Juntos, o produtor musical e o diretor de vídeo montaram a FG74 Music, escritório para gestão de carreiras, com objetivo principal em novos talentos da música sertaneja.

Porém, quando eles anunciaram as primeiras parcerias do escritório recém-formado, uma delas deixou muita gente curiosa. A única aposta do escritório entre as duplas mais “antigas” é Patrícia & Adriana, a melhor dupla sertaneja do Brasil formada por mulheres.

Quem acompanha o sertanejo há algum tempo, provavelmente conheça o trabalho delas. Aos novos leitores, entendam que elas possuem mais de 20 anos de carreira, surgiram no movimento campo-grandense que apresentou nomes como Jads & Jadson e João Haroldo & Betinho. E após longos 20 anos, as meninas, enfim, gravaram o primeiro DVD da carreira – “A História Continua”. O primeiro projeto, de fato, visando o mercado nacional.

A gravação aconteceu na última quarta-feira, 04, em Campo Grande/MS. Estive presente, sendo um dos privilegiados a assistir um verdadeiro espetáculo. É impressionante o quanto as duas cantam.

Mas, além da já conhecida qualidade vocal da dupla, o DVD promete se destacar por conta do repertório. Canções escolhidas a dedo, com letras dos melhores compositores do Brasil (Marco Aurélio, Samuel Deolli, Fred Liel, etc). Isso sem contar a eficiência dos empresários Flávio e Jacques, que, respectivamente, assinaram a direção musical e de vídeo.

Um projeto tão aguardado como este não poderia demorar a ser lançado. E para a alegria de muitos, a primeira faixa do DVD gravado há menos de uma semana acaba de ser liberada no YouTube. O nome da canção é “Mendigar Amor”, composição do Fred Liel com a esposa Débora Xavier.

Assistam abaixo sem moderação. Em breve, voltarei aqui com as outras faixas do DVD. Ah, tem participações especiais de Jads & Jadson e Chicão Castro (que é outro talento campo-grandense), fiquem ligados.

Abaixo, algumas fotos da gravação. Créditos: Kinho Guedes, Izaqueu Borges.