Entrevista exclusiva com Rita Garcia
20/12/2018

Dias atrás estive em São Paulo para conhecer e bater um papo com a cantora Rita Garcia. Ela é natural de Santos, canta profissionalmente há cerca de três anos, e faz diversos shows na capital paulista e região.

Com timbre marcante e inconfundível, Rita Garcia promete muitas novidades para o ano de 2019, como por exemplo, a gravação do primeiro DVD da carreira.

Eu sempre gostei de cantar. Profissionalmente, comecei há três anos. Sempre gostei de música em geral, mas o sertanejo surgiu a partir do momento que conheci meu marido; Meu sogro também sempre foi um grande apoiador”, comenta a cantora.

Com fortes influências do pop rock nacional, o show de Rita Garcia é um espetáculo ímpar. Além de clássicos e músicas atuais do sertanejo, a artista também agrega ao seu repertório sucessos de Roupa Nova, Kid Abelha, entre outros artistas que marcaram gerações. No sertanejo, a maior influência é Chitãozinho e Xororó; inclusive, regravou “Evidências”, grande sucesso dos ídolos.

Embora “nova” no mercado, com apenas três anos de carreira profissional, Rita conta com uma equipe de gerenciamento extremamente dedicada e ligada ao momento atual da música. Por conta disso, traz em seu primeiro álbum (lançado em 2018), canções de nomes conhecidos do sertanejo: Joel Marques, João Gustavo, Marília Mendonça, e novos talentos da caneta, como Murilo Huff e a nova trupe de compositores de Goiânia.

Essas músicas entraram no repertório através do meu marido, que é o meu braço direito no projeto. Além dos nomes conhecidos, outra canção especial do meu disco é a faixa ‘Diga’, autoria da minha filha, Gabriela”, comenta.

Mesmo com pouco tempo na música profissionalmente, Rita Garcia surge com uma bela história de superação. Em 2014, a cantora passou por uma situação delicada, que foi o câncer de mama, necessitando de muita força de vontade para dar a volta por cima. “Eu acho que é um bom momento das mulheres no sertanejo. Sempre tive o sonho de cantar, e quando eu passei por essa situação em 2014, fui muito forte e consegui superar. Após o ocorrido resolvi me dedicar ao que eu mais amo, que é a música”.

Em meio a nossa conversa, Rita enfatizou: “Nunca é tarde para realizar um sonho, estou correndo atrás. Na vida tem que ser assim, a gente precisa dar a volta por cima e sempre seguir em frente”.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Uma das canções da cantora que eu gostei bastante é a faixa “Bicho Besta”. Trata-se de um verdadeiro modão, mas com linguagem atual e extrovertida.

A próxima faixa de trabalho de Rita Garcia será uma composição de João Gustavo e Carlos Randall. O nome do single é “Dedicação exclusiva”. E, claro, postarei aqui no Blog quando lançado. Fiquem ligados.