União de Orlando Baron e Luís Gustavo Garcia promete revolução no mercado musical
27/08/2020

Não é de hoje que a indústria musical precisa se reinventar para poder acompanhar as transformações tecnológicas e, em consequência, o comportamento do seu público. A revolução do mercado fonográfico fez com que os músicos ampliassem o seu campo de visão, podendo explorar oportunidades e caminhos que antes eram impensados. Foi unindo a mais vasta experiência no ramo artístico com as inúmeras possibilidades da atualidade que surgiu a LB7 Produções Artísticas, uma das empresas mais completas do ramo da música no Brasil. O objetivo é levar ao mercado artístico a solução de maneira integrada: produção musical, marketing digital, foto e vídeo, gerenciamento e gestão de carreira, assessoria de imprensa, assessoria jurídica e comercialização de shows, tudo em um só lugar. A empresa conta com profissionais já consagrados no mercado como Marcinho Costa, contratante de shows que já atua há 20 anos no show business, e Alessandra Calia, advogada especialista em direitos autorais ligados à música, que já trabalhou no ramo com artistas de renome.

O nascimento da LB7 foi resultado de uma parceria de trabalho e amizade entre Luís Gustavo e Orlando Baron. “Vimos uma real urgência do mercado em encontrar todas as necessidades em um único lugar. Queremos que o artista venha até nós e receba tudo o que precisa para a sua carreira”, diz Baron. O casting da produtora atualmente conta com Pedro & Paraná, Kaik & Alessandro, João Anesi e Kamila. Luís Gustavo conta como sua experiência em diferentes gerações do cenário musical pode contribuir para o trabalho. “É essencial não ficar preso ao tempo, escutar tudo e estar aberto às novidades. Tento transpor essa vivência para a formação dos artistas que surgiram no meu caminho”, diz.

Com quase 40 anos de carreira no ramo musical, Luís Gustavo traz em sua bagagem anos de trabalho com a dupla Chitãozinho & Xororó, que resultou em várias premiações. Entre elas, um Grammy pelo DVD “Chitãozinho & Xororó 40 Anos Sinfônico” (2012), sob regência do maestro João Carlos Martins, em que Luís trabalhou como músico, arranjador e diretor musical. Ele também foi responsável por lançar o grupo Tradição, do qual Michel Teló era integrante, além de ser um dos músicos mais atuantes em estúdio no cenário nacional, tendo em destaque nomes como Sandy & Junior, Zezé Di Camargo & Luciano, Pedro Mariano, João Mineiro & Marciano, Chrystian & Ralf, Ivan Lins e muito mais.

Em meio a gravações, Luís conheceu o renomado produtor musical Orlando Baron, reconhecido por trabalhos de produção e arranjos para grandes artistas como João Bosco & Vinícius, que deslanchou a carreira da dupla e popularizou o gênero sertanejo universitário no Brasil. Ele assina os arranjos de grandes sucessos de Luan Santana, como Meteoro, Você não sabe o que é amor, Desculpas e As Lembranças Vão Na Mala. Baron também foi responsável por arranjos do DVD Fernando & Sorocaba Acústico 1, que explodiu a música Madri, e Acústico 2, gravado na Ópera de Arame, em Curitiba. Seu trabalho com Sérgio Reis no álbum Questão de Tempo resultou em um Grammy Latino em 2014 e traz também em sua trajetória trabalhos com Daniel, Gian & Giovani, Teodoro & Sampaio, Inimigos da HP, Milionário & José Rico, Henrique & Diego, Jads & Jadson e mais.

Fonte: Assessoria